PALAVRA DO PACIENTE

  • mariana_capiberibe
    A Palavra de Quem Sente: MARIANA CAPIBERIBE
    Posted in: PALAVRA DO PACIENTE

    A primeira vez que tive depressão, eu estava com 19 anos. Morava com minha família, cursava faculdade, trabalhava, namorava e criava cães. Algumas pessoas diziam que não havia motivos para eu me sentir deprimida. Eu, porém, me sentia muito mal e tinha consciência de que não estava inventando nada. Só podia estar doente mesmo. E […]

  • palavra2
    A Palavra de Quem Sente: ERIC CAVALCANTI
    Posted in: PALAVRA DO PACIENTE

    Eu era uma pessoa ansiosa, sempre pensando no futuro e muitas vezes esquecendo o presente, achava que o meu trabalho exigia muito de mim, e qualquer coisa me deixava nervoso. Deixava de passear nos fins de semana para ficar em casa estudando, quanto mais eu estudava mais percebia que tinha muita coisa para aprender na […]

  • apalavra_josilene
    A Palavra de Quem Sente: JOSILENE MARQUES
    Posted in: PALAVRA DO PACIENTE

    No dia 13 de Outubro de 2005 fez um ano que estou na terapia. No ano passado tudo pra mim parecia perdido, mas tinha ânimo. Vivia desesperada, com medo de tudo. Foi através de uma amiga, Drª Luciana (que indicou a Ampare), que procurei o tratamento. Contei com o apoio da minha família, principalmente minha […]

  • depoimento_amparada
    Palavra de Quem Sente: IRENILZE PAIXÃO
    Posted in: PALAVRA DO PACIENTE

    Minha história não é diferente de muitas pessoas que conheci nas reuniões ou na sala de espera da AMPARE, também não posso dizer que ela é extraordinária, mas o importante é que através dela os leitores deste, possa inteirar-se do valor do acolhimento, atenção e amparo que cada cliente recebe, sem contar com o grande […]

  • panic-attack-e1334148701147
    A Palavra de Quem Sente: Eu e o Pânico – Alessandra Bacelar
    Posted in: PALAVRA DO PACIENTE

    Desde a infância convivi com o pânico silenciosamente. Uma aluna aplicada, calma, disciplinada e responsável, elogiada por funcionários da escola, professores, parentes e amigos. Quem poderia imaginar que por traz de tantas qualidades escondia o medo? Lembro que os primeiros sintomas aconteceram no transporte coletivo. Sentia tontura, falta de ar, desmaios e vômitos com freqüência. […]

COMO CHEGAR



AMPARE
Associação dos Amigos dos Pacientes de Pânico
Rua Osvaldo Cruz, 393
Boa Vista - Recife - PE
Fone: (81) 3222.6252

FACEBOOK

FALE CONOSCO